segunda-feira, julho 16, 2007

Os sociopáticos, as omeletes à champinhon e sei lá...

É curioso ser-se o fundador do pecado.
De facto ele sempre existiu, aliás, foi o que nos possibilitou esta vida de prazeres e sensações pecaminosas.
É curioso ser-se notado por se usar um termo tão frequente, mas que não lhe dão nome, porque quase tudo o é.
Deve ser dos meus olhos.
Deus segredou-me ao ouvido que para além dos poços fundos do abismo existe a luz.
Ainda me consigo arrepiar de sentir.

[o título acima é só para coiso...]

2 comentários:

Japonesa disse...

as omoletas com champignons são deliciosas, principalmente om gambas à mistura (faço umas de fazer salivar o maior pecador)e aposto em como não haverá sociopata que consiga dizer "eu não senti rigorosamente nada".

é bom escutar Deus? um dia serei eleita para isso tb. só me elegem para coisas de pecado :-(

****

Stefanie* disse...

Escutar Deus?! não sei se será assim quão bom quanto dizem... mas enfim :S

o fruto proibido é o mais apetecido... por isso é q todos gostamos do "pecado" ... risos

( até o padre da minha terra o faz com as ditas cujas irmãs... )

beijinhos =)**